Gestão

Como vencer a crise? Separamos 7 dicas para você!

Como vencer a crise
Escrito por SM8 Marcas

A abertura de um novo negócio sempre é um grande desafio. Não bastassem o longo processo burocrático e o considerável capital investido, há ainda o receio de que a crise econômica impeça o crescimento da nova empresa. Mas não se desespere! Existem meios para enfrentar esse momento com maior tranquilidade e garantir que sua empresa se estabeleça no mercado.

Listamos 7 dicas para ensiná-lo como vencer a crise, ajudando-o a alavancar o sucesso da sua empresa mesmo nesse período difícil. Confira:

1. Conheça o seu produto

O sucesso na venda de um produto ou serviço está intimamente ligado à capacidade que o vendedor tem de demonstrar que esse mesmo produto ou serviço é essencial para o cliente.

Em períodos de crise, é natural que as pessoas reduzam o consumo e foquem naquilo que é essencial, eliminando gastos supérfluos. Por isso, é importantíssimo mostrar ao cliente que o seu produto é item indispensável, para que ele continue a comprá-lo.

A melhor forma de fazer com que as pessoas confiem naquilo que você está oferendo é antes conhecer o seu produto, sabendo apresentar para o cliente as qualidades e o diferencial que ele representa em comparação com o de outras marcas disponíveis.

Por que seu produto é essencial para o cliente? Quais são as qualidades que o fazem um item especial entre os demais oferecidos no mercado? Ao saber a resposta para essas perguntas, você estará apto a convencer seus clientes da necessidade de sempre comprá-lo, reduzindo a queda nas venda e mantendo o faturamento de sua empresa regular.

2. Planeje seus gastos

Apostar em um financiamento emergencial pode submeter a sua empresa a um endividamento pelas altas taxas de juros. Por isso, procure planejar os seus gastos e manter um fundo de reserva para não precisar recorrer a créditos improvisados, que podem superendividar a sua empresa.

Procure mapear quais são os gastos que a empresa terá e trabalhe para cobri-los com tranquilidade. Além disso, conte no seu orçamento com eventos imprevistos, reservando um pequeno valor para aqueles gastos mais simples.

Uma forma de facilitar o planejamento e o controle dos gastos é utilizar uma planilha, cuja alimentação seja simples e fácil. Dessa forma, o planejamento financeiro vai se tornando natural e habitual.

3. Reduza custos

Se apenas planejar os seus gastos e mantê-los controlados não está garantindo o melhor desempenho da empresa, procure revisar e reduzir os custos desnecessários.

A solução para a redução dos custos pode estar camuflada em hábitos muito simples dentro da empresa, como o consumo de energia elétrica, água e copos plásticos, por exemplo.

No entanto, existem outros pontos a serem repensados. Um deles é o uso elevado de estoques de produtos com baixa rotatividade. Isso representa a perda de um recurso que poderia ser investido. Por isso é importante também que haja um planejamento de compras alinhado com a realidade das vendas da loja.

4. Invista em publicidade

“Se eu tivesse um único dólar, investiria em propaganda” disse Henry Ford, o maior nome da indústria automobilística.

Diferente dos dois itens anteriores, publicidade não será mais um gasto ou custo para a sua empresa, mas sim um investimento, capaz de angariar novos clientes e fidelizar os atuais.

Para que esse não seja apenas mais um canal de saída de recursos da sua empresa, é preciso conhecer o mercado no qual você atua, quais são os seus clientes e onde eles estão. A publicidade mais eficaz é aquela que consegue alcançar o seu cliente onde ele se encontra e com o conteúdo que ele deseja consumir.

Manter a publicidade da empresa mesmo em tempos de crise vai lhe proporcionar visibilidade, tanto para os clientes já existentes quanto para outros públicos. Além disso, há formas baratas de fazer o marketing de sua empresa, como a criação de páginas nas redes sociais, que são gratuitas.

5. Inove sempre

Para que seja possível vencer a crise e aproveitar para crescer com ela, é preciso estar disposto a quebrar alguns hábitos tradicionais.

O primeiro passo para alcançar a inovação é a curiosidade. A resposta para inovar na crise pode estar no próprio mercado de atuação. Para isso, acompanhe as novidades e as tendências e atenda às necessidades dos seus clientes.

Existem diversas formas de encontrar novas ideias para diferenciar o negócio, das mais baratas às mais onerosas. Isso varia desde a contratação de uma consultoria especializada até ouvir o seu cliente, valorizar a sua equipe e qualificar o atendimento.

6. Fortaleça sua marca

Para fortalecer a marca e se aproximar verdadeiramente do seu cliente é indispensável que você esteja disposto a se comunicar com ele. Isso vai desde a forma como você expõe os seus produtos até o modo como você alcança as pessoas.

É preciso mexer com as emoções de quem está consumindo, e isso só é possível entregando experiências em vez de produtos. Explore melhor o atendimento aos seus clientes, a forma de decorar o ambiente e invista nas sensações que ele terá ao entrar em contato com a sua loja.

7. Mude a perspectiva

Essa talvez seja a dica mais importante. É preciso olhar para a crise como mais uma etapa a ser vencida e não se permitir ficar na posição de vítima da situação econômica do país. Muitas outras crises já aconteceram e as empresas mais bem preparadas conseguiram superá-las.

Não veja a crise como o “bicho de sete cabeças” que veio para arruinar o seu negócio. Encare esse período como a sua grande oportunidade de crescimento.

Entenda que esse é o momento de fortalecer a sua base e superar dificuldades. Ao fim do período, certifique-se de que a empresa cresceu e aprendeu com os erros, obstáculos e oportunidades.

Em resumo, para superar a crise é necessário conhecer todo o potencial do seu produto. Além disso, é preciso planejar os gastos e reduzir os custos de forma discriminada. Com uma estrutura mais enxuta, será possível até mesmo apostar em novos investimentos e se diferenciar no mercado.

Não se esqueça de experimentar o novo, não tema mudanças, qualifique ao máximo o seu atendimento e, por fim, mude o foco. Se você olhar muito tempo para a crise, ela parecerá maior do que realmente é. E perceba: a crise pode ser o problema ou a solução para o fortalecimento da sua empresa, depende de como você reagirá a ela.

Gostou de nossas dicas de como vencer a crise? Então compartilhe essas ideias com a sua rede de amigos pelo Facebook.

Sobre o autor

SM8 Marcas

Deixar comentário.

Share This